quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Modelo Plus Size Cláudia Niewierowska ganha seletiva e se torna Miss Rio Grande do Sul Plus Virtual, categoria Plus

 Cláudia Niewierowska, natural e moradora da cidade de São Leopoldo. Designer de moda, estudante de direito e modelo plus size.
Medidas: 1,82cm de altura, peso: 95kg, manequim 46/48, busto: 108 cm, cintura: 92 cm, quadril: 121 cm. A modelo ganhou a seletiva estadual do concurso, e se tornou a Miss Rio Grande do Sul Plus Virtual, categoria Plus, concurso organizado por Ane Bless e Maga Moura. Agora ela representará o estado no concurso nacional, que ocorrerá no dia 30 dezembro.
Cláudia completou ainda"Fiquei muito, muito feliz com o resultado, além disso, estou tendo a oportunidade de fazer novas amizades, mesmo sendo virtualmente, com plus lindas e que se amam. Agora rumo ao miss Brasil"!

 

Cláudia vem crescendo sempre no segmento plus, e com esse concurso, é mais um momento especial na sua carreira e na vida.

Ela é muito determinada e sabe sempre o que quer, mostrando talento, simpatia e sua maneira muito simples de ser.

Página do  MISS Brasil PLUS - Virtual: Link

Fanpage da Cláudia: Link

Fotos 3, 6 e 7 - Fotógrafa Patrícia Zanutto http://patriciazanutto.com.br/

Foto 5 -  Marca Xica Vaidosa no Desfile do Fashion Weekend Plus Size.








sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Pole Dancer Gemma Lux is amazing - She told about her life and Pole Dance

  Gemma is so great and she has a brilliant career! She is so communicative, with a good vibe. She told me how the pole dance entered her life. Pole dance for her is to be free, she is always in love with one. She told me what she likes to do, several important things. She is a strong woman, an amazing lady, that loves to live and to express !!

1 - How is to live in Brandon, Florida? What do you like to do here, the places? Tell me more details about it. 

I love Brandon! Brandon is on the out skirts of Tampa Bay so it’s not very busy and is more rural. However, Brandon is growing fast! I love living in the Tampa Bay area. There are many beautiful beaches, lots of night life and fun things to do. When I find the time, I enjoy going to the beaches, and on the weekends & I love going out to eat at restaurants. I do go to clubs, and one of my favorite cities in Tampa Bay to hang out at is Ybor City. Ybor is our historic landmark district of Tampa. It’s very old and has lots of history. You can visit Ybor during the day and shop around, site see, and eat/drink. It’s small, but there’s lots of fun to be had in Ybor. Great shops, night clubs, tattoo parlors, movie theater, great music & cigar shops. There’s also a lot of adult fun Off Westshore in Tampa. My husband, our friends, and I enjoy going to one of the hot spot strip clubs called The Penthouse Club, Tampa. It’s also a 5 star restaurant and very classy. Thee DollHouse, Tampa is also another great hot spot in Tampa for the adult entertainment that we also enjoy visiting. Then there’s South Tampa. There is always lots to do in South Tampa which is more of the ritzy part of Tampa Bay. The food in South Tampa is freaking amazing! I mainly go to South Tampa to eat haha! But, South Tampa is also known for their college night life. College students flock to S. Tampa to party. Tampa is a very fun place to live!  

 2 - When did you decide to start the pole dance? Did you feel in love during your first class?

 I went to a local adult club called The Pink Pony to watch The Miss Pole Champ USA competition. I was in awe of the women who were competing. Particularly Vayda Kiss! R.I.P. Pole angel. Her physique was incredible and her stage presence was enchanting! I couldn’t believe that pole dancing took that much strength and flexibility. After that, I was convinced that I needed pole dance in my life. So I did a google search for Pole Dance studios in my area. I found Impulse Pole Dance & Exotic Fitness and the rest was history! Yes, I fell in love right away!


 3 - How is your training? Tell me about it. 

 I train about 3 times a week and I try to stretch every day. I consider my training to be when I teach pole dance classes too. I teach about 10-12 hours of classes per week. When I train, I practice for about an hour. I work on dance (includes floor work), spins, and tricks. Flowing into each movement is something I work on every time I train. I try not to bounce around from trick to trick. I try to stay focused on a few tricks per month so that I can perfect each move. But, that’s very difficult to do because of social media. There is always some new combo or trick and I want to do them all haha! But, it’s not smart to jump from trick to trick. We should work on perfecting the basics as it will help us later on when we work on for example the bird of paradise move. Without a strong outside leg hang this move is not possible. When we stretch we work middle and front splits over and over right? Same kind of thing. I love the quote “I fear not the man who has practiced 10,000 kicks once, but I fear the man who has practiced one kick 10,000 times” - Bruce Lee
 4 - Tell me more about the pole dance's movement, which do you prefer? 

I love all aspects of pole dancing. I love the sexy side so much, but I also love the fact that it’s moving toward a more conservative side & Olympic sport. It’s incredible! People are beginning to see that pole dance is a sport! It takes so much time, sweat, tears, and dedication! Pole dancing allows women and men to reach deep inside our souls and find inner peace with ourselves. The pole world has created a path for us to accept who we are, embrace our flaws, and find our inner sexy. I prefer both sides, I do not judge or discriminate.
 5 - Flexibility is so important in Pole dance. You have a great flexibility. Was it complicated to get it? Explain more. 

 I grew up dancing, doing gymnastics, and cheerleading. So I was very flexible as a teenager. I was 28 when I started taking pole dance classes. I found that I still had some flexibility and was further along than many in class, but YES it was a struggle. It hurt so badly (hahah!), but with time & dedication my body started loosen up. You can do it people!
 6 - I like your videos about pole dance very much. Tell me more details about it. 

The videos I create and share are basically practice. I am sharing my pole journey with the world. I want people to see my struggles and my successes. I want people to see that if I can do it, so can they. I don’t post my fails, but believe me there are many lol! My pole friends encourage me to be better than I was yesterday. Because I teach pole dance classes, I am inspired daily by my students. I want to be better for them, and for me too J 

7 - Do you have some outstanding moments about your Pole dance and life to share? Tell me. 

  My very 1st studio showcase at Impulse Pole Dance….I was terrified!!!! But after I performed I was SO addicted and I wanted to do it again and again! The love and encouragement I felt after my 1st performance was unbelievable. The applause, and my pole momma Sarah Murray hooting and hollering for me was so heartwarming. I never had felt this kind of love and encouragement before in any other sport I participated in. The very 1st time I was on a big stage was for the annual charity event Pole For A Purpose, 2013. I performed with Impulse’s group (my home studio). I swear I almost threw up as I was dancing lol! But, after that performance I knew I wanted to be a performer! My now husband of almost 2 years proposed to me that too! One of the best nights of my entire life! The second time I performed in Pole For A Purpose, 2014 I showed the world my signature trick “The Lux”. I had no idea at the time that it wasn’t in the dictionary of pole tricks. I was just being creative one day practicing for the show with my fellow Impulse Instructors. I remember the crowds roar as I pulled out The Lux. It was amazing and you can see in the picture that was taken of me in the move from that night, how excited I was! Biggest smile on my face. Also Cleo The Hurricane (who has also been my hero, mentor, inspiration, and promotor, Thank you Cleo!!!) was there that year! She performed! She was freaking AMAZING! I’ll never forget that night EVER!

 8 - How was to be blonde for the day? You always create a new style in your hair. Do you like it?

 LOL It was great! I kept it for about a week. I’m sure I’ll go back to blonde someday, but that’s a huge commitment because I am a brunette. I love my purple hair look though. I am the type of person that gets bored with my look easily. I love hair and make-up as this is another passion of mine.

 9 - About clothes, what do you like to wear in every situations? Do you have a passion for high-heeled shoes haven’t? 

 I looooove platform stilettos. If I could bare to wear them all the time, I would. But, my feel just can’t handle that hahaha! These days my look is leggings and a top and my favorite everyday shoe is a sandal (I’m a Florida girl all the way) in the summer and spring. During the fall and winter month, I rock combat boots with my skinny jeans or leggings. If I could live in leggings I would! (Cleo’s Rock N Pole leggings are awesome!)
 10 - Do you like tattoos? 

 I love tattoos. I have 3 tattoos myself, that I plan on adding to & making larger. J 

 11 - You have a great energy and vibe. Tell me about your personality. 

 Thank you! I strive to be a positive & uplifting person.” Your Vibe Attracts Your Tribe”. I try to put off good energy into the universe, because I know that doing this will bring me good things. I also am aware of the shadow that I cast. I don’t want my shadow to be a negative one. I want people to think of Gemma Lux and only feel good things. I love to love!
 12 - Do you feel free when you are doing Pole dance? Pole dance is a lifestyle for you?

 Yes, pole dancing is my life now. It is my freedom to express myself. If I am having a bad day, I pole dance the pain away. It actually works! I hear from women all the time that after pole dance class they feel so much better. This applies to any activity though. Pole Dance de-stresses. Pole Dance is life for me. I work full time at Impulse and I also manage.

 13- Do you have many places in the world? Are there some special place you would like to know?

 I have not visited many places although traveling is a life goal. Unfortunately it costs so much money to travel. I would love to go to Australia & Europe! But, I know that there are so many beautiful places in the world. Kinda hard to choose haha!

 14 - What do you like to eat? Do you have a healthy food?

 I do like to eat healthy, but I also like to eat pizza and desserts lol. I try to balance eating healthy and allowing myself a treat here and there. It’s all about moderation. On a daily basis I eat eggs, chicken, avocado, salads, fruits & vegetables & lots of water. I have coffee every day, that’s like my treat in the morning. I use creamer to sweeten it up, if not for creamers I would not drink coffee hahha.

 15- What do you think about sensuality in Pole dance? 

There are many genres of pole dance these days, but I love the sensuality of pole dance. I love rolling around on the floor, clacking my heels, body waves, hair flicks, splits, kicks, and hip gyrating movements too! Pole dance to me is all about finding your sexy and then being okay with expressing it. Again it’s that whole acceptance thing I mentioned above. Like it or not, pole dance is a very sexy sport. Many main stream dancers out there don’t understand or respect the sensual side of our sport. But, they also dance sexy. For instance, Jazz & ballroom can be VERY sassy & sexy. I watch dance shows on TV and I see so much sexiness in the routines. They just don’t have a pole next to them, so I guess that changes things hahahah!


16 - During the pole dance, do you have some music preferred?

 These days I am finding more of my flow with music like Melodic Dubstep. But, to be honest I don’t discriminate when it comes to music. I love to dance to it all. I recently performed to Led Zeppelin “Stairway to Heaven” and was told by the people watching that they never thought a pole dancer would ever dance to that song and make it sexy. Amy Hazel has an incredible performance to that song! Check it out! 

17 - Leave a message, whatever you want. 

I just want people out there to find happiness. Life it too short to worry about what your family is going to think or live in fear in any way. It’s important we find ourselves in the crazy world. I found myself in pole dancing. So go explore people! Never give up on your dreams. If you don’t have goals or dreams, try to find one! Always keep movin and shakin and keep smiling. Don’t let people steal your joy. Keep struttin! 
 Gemma Lux  💛 💛 💛

Gemma Lux I really loved our interview!! It was a pleasure!! You deserve only great things in your live!! You're Blessed!!  Congrat's for you and your husband!!!

Instagram: Link

⭐️Pole Dancer, Instructor, Manager @ImpulsePoleDanceBrandon ⭐️BrandAmbassador @ArtistaActiveWear ⚡️CRNP Studio Instructor Peace✌️Love💛PoleDance👑 www.polefitnessbrandon.com

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Modelo Plus Size Carolina Mazuco conta trajetória e momentos especiais

 1 - Me conta um pouco como foi sua infância

. Tive uma infância humilde, morava em um sítio com ruas de terra, que ficava 33 quilometras da cidade, minha escola era uma única sala, onde o professor dava aula dividindo a lousa em quatro partes e passava matéria para lá, até a 4a série; o mesmo professor fazia a merenda com animais que ele mesmo caçava. Eu lá cheguei a comer carne de cobra, de tucano, de tatu. Infelizmente o governo não mandava os mantimentos e o professor se virava como podia. Nessa época morava com a minha mãe, sou filha de pais separados. Minha mãe tinha um sítio bom e nós éramos pobres, mas mediante as condições do lugar acabávamos por ser os mais bem de vida, Apesar de não termos luz, era tudo na base do lampião, para uma criança tudo isso foi uma grande aventura; Foram tempos duros, mas de muita união e minha mãe lutava com unhas de dentes para nos sustentar. Ela era uma guerreira, que dirigia caminhão, vendia bananas e palmitos para sobreviver, fazia pães caseiros, queijo e até requeijão de corte. Me lembro crescendo de pés descalços, livre na natureza, montando cavalo no pelo e indo para a escola com meu melhor amigo, um vira lata que me acompanhava por onde eu ia, e se deitava debaixo da minha carteira na escola, até o professor dar-lhe uma reguada daquelas de madeira enormes. Então resumindo, foi uma infância feliz e privilegiada, com muito amor.

 2 - Você era dona de casa complexa por causa do peso? foi aí que veio o mundo Plus na tua vida? me conta detalhes disso tudo. 5 anos sem sair de casa? 

Após ter minha filha Giovanna, acabei tendo uma depressão pós parto, que desencadeou uma síndrome do pânico, eu fiquei muito infeliz ao me ver gorda, porque era magra antes da gravidez e não conseguia reconhecer minha própria imagem no espelho, passei cinco anos sem sair de casa sozinha, complexada, cheia de medos. Eu me refugiei com medo da vida, dos julgamentos e de encarar o mundo. 

 3 - Você comentou que é modelo Plus desde 2014, onde foi descoberta pela Record, depois de fazer matéria sobre auto estima? Conte tudo sobre isso. 

Isso mesmo, uma amiga minha me marcou em post do Facebook, onde em um blog estavam procurando uma menina gordinha que não estava feliz com seu peso que não conseguia se aceitar e se vestir bem, para uma entrevista na TV. Então através disso fui descoberta pela Record e minha história foi escolhida em meio a de tantas outras meninas. Fui escolhida para participar de uma matéria para o programa hoje me dia,uma matéria de resgate de auto estima, onde passei por uma grande transformação e realmente a partir dali minha vida se mudou completamente. Nesse momento  foi quando descobri o mundo plus size, resgatei minha auto estima, tive oportunidade de desfilar para a marca Korukru, da Lu Oliva, que me abriu as portas para a carreira plus size no FWPS e acabei me redescobrindo como mulher e principalmente descobri o que realmente queria fazer na vida,  que era ser modelo plus size.
 4 - Como foi que se tornou Miss das Américas Plus Size beleza conesul? Como foi o evento, tua preparação?

 Foi super sem querer como quase tudo que acontece na minha vida. Eu estava participando de uma brincadeira de um blog, concorrendo a um convite para o miss São Paulo, quando precisava pedir curtidas em uma foto para ganhar o convite e o titulo fictício de miss do blog com a minha divulgação durante um tempo nesse blog plus size. Foi quando sem saber mandei o pedido de curtida para o produtor Edison Cortez que me convidou para participar do concurso. A preparação foi uma loucura porque não tinha como investir em um concurso de beleza, mas corri atrás de patrocinadores e acabei conseguindo concorrer e ganhei o título. Acabei sendo corada em um Ato Solene na Câmara dos Vereadores de Santo André, foi um evento lindo, realizada por meus parceiros com muito amor.
 5 - E depois você foi para final e ganhou o miss beleza das Américas plus size internacional? Muita responsabilidade né? como foi tudo isso? 

Foi incrível, porque eu não tinha dinheiro, o pessoal da faculdade me ajudou comprando rifas, recebi ajuda de patrocinadores e amigos queridos. Aliás devo muito ao Paulo, da loja Skema semi joias, devo muito ao meu amigo Karelli, das revistas Carellli, e, devo muito aos amigos de faculdade. Agradeço as marcas que acreditaram em mim, a Fica dica Moda plus size, minha amiga Esaly Brú, vereador marcos Picciare, a estilista lu Oliva, da Korukru e minha família; sem esse exército do bem ao meu lado, nada disso seria possível. Eu tenho plena consciência de que não conquistei nada sozinha. Fui lá representando cada um deles e depois de tudo que fizeram por mim não podia decepcioná-los.
 6 - E quando foi que se tornou modelo da korukru?

 Foi quando conheci a Lu Oliva durante as gravações da matéria para o Hoje em dia na Record. Ela me chamou para desfilar para a marca dela e tudo foi gravado para o programa, porém ela continuou uma querida mesmo após o desligar das câmeras e dos holofotes, ela continuou me dando oportunidade e acreditando em meu potencial. Mesmo eu sendo inexperiente ela me ensinou tudo que sei, me orientou e me deu a chance de ser quem eu sonhava ser.

 7 - Como foi para ti desfilar já 3 vezes no FWPS, evento renomado de SP pela korukru? 

Desfilar para a Korukru é algo que me realiza, algo que amo fazer, e fico muito feliz de ter a oportunidade de estar ao lado de uma grande estilista, alguém com tanto para ensinar, que está no meio a anos e que mesmo assim não tem medo de arriscar, para mim não tem diferença desfilar no FWPS ou na rua como fizemos na Zumbie Walk, a emoção e alegria é a mesma. Korukru pra mim se define com duas palavras Amor e Gratidão.

 8 - E desfilar na Tv para ti, tem alguma dificuldade maior? mais friozinho na barriga?

 Ir desfilar pra mim é uma paixão, então sempre fico com borboletas no estômago seja na rua, na TV, em um evento de grande porte Quando se ama o que se faz, sempre é uma adrenalina, um tesão.

 9 - Me conta sobre esse desfile top de rua na zumbie walk, como foi os figurinos ? conta tudo. 

 Foi sensacional, o carinho das pessoas nas ruas, o impacto que a korukru causa é de parar tudo, com suas hotplus, realmente foi demais e os figurinos foram de personagens malvados numa releitura da korukru. As vilãs hotplus com personagens desde Malévola até Noiva do Chuck e eu fui a Medusa, simplesmente amei, tinha até a Annabelle (uma criança acorrentada no maior estilo korukru). 

10 - Você é vaidosa com makes e cosméticos ? Quais cuidados importantes que você faz questão de ter com a pele? 

 Sim sou vaidosa, mas muito simples também, amo perfumes, makes, mas no dia a dia gosto de um rosto lavado, um batomzinho bem discreto, normalmente meus maiores cuidados com a pele são a limpeza, hidratação e o protetor solar e adoro estar de unhas feitas e cabelos bonitos, mas na maioria das vezes basta um bom shampoo, um bom condicionador e uma secada rápida com o secador, não sou de muita frescura.

 11- Em relação ao teu estilo de vestir, você curte sempre cores né? O que gosta de usar, preferências em cada ocasião. 

 Gosto de me vestir com estilo, de me sentir bonita, não acho que por ser gorda tenha que usar roupas sóbrias e escuras. É muito pelo contrário e acho que sou linda e cores transmitem sentimentos, calor, por isso abuso mesmo, porém com o cuidado de estar elegante e com roupas de bom gosto.


 12 - Em relação aos pés, fala um pouco deles, pois é preciso sempre cuidados, pois salto de mais desgasta né?  

Sim no dia a dia, gosto de calçados confortáveis, como disse sou simples, tenho muitos sapatos que nem cheguei a usar ainda, por sempre preferir coisas mais casuais do que um super salto lindíssimo. Meus cuidados com os pés são normais, nada de extraordinário, mas adoro massagens nos pés após algum evento ou algum desgaste maior.

 13- E essa paixão por escrever resultou em colunista na revista americana curves and the city e na revista Dellas? Como foi que começou mais esse talento? 

 Sempre escrevi, desde criança, tudo começou com os famosos diários, depois evolui para poesias, letras de músicas, cartas de amor, até começar a realmente fazer textos relevantes. Eu cheguei a escrever dois livros... rsrsrs e quando as pessoas notaram esse meu dom, naturalmente vieram os convites.

 14- Algum momento marcante que quer compartilhar e detalhar?

 Ah são tantos... E todos muito especiais, os principais foram meus desfiles, e as conquistas das minhas faixas, a coração na câmara dos vereadores e a viagem até canelas onde concorri ao miss América internacional, Mas nada no mundo se compara a maternidade na vida de uma mulher. Eu acho que não há momento mais importante.

 15 - Quando tem tempo livre, como você relaxa? curte praia? 

 Relaxo com meus cães, sou apaixonada por animais, e estar com eles me revigora, amo praia, cachoeira, contato com natureza, mas acredito que o importante é estar com quem você ama. O lugar pouco importa, então sou bem caseira, gosto dessa coisa família, ficar em casa tomando um bom vinho, cozinhando com meu marido e brincando com minha filha.

 16 - Quais músicas preferidas? 

Curto rock antigo, clássicos, bandas dos anos 80 e 90

 17- Em relação a sua alimentação, você cuida bastante? e os doces? Gosta de cozinhar?  

Gosto de cozinhar, mas não o trivial, gosto de fazer coisas diferentes, usar a criatividade, fazer receitas, amo mexer com temperos e experimentar. Eu me cuido sim porque não posso descuidar da saúde, inclusive passei a malhar recentemente e estou com um projeto de emagrecimento, onde o intuito é estar em dia com o corpo e com a mente, buscando qualidade de vida. Amo doces, é minha tentação kkkkkk.

 18 - Deixa o recadinho que quiser. Quero deixar um recado para quem tem um sonho, por mais impossível que ele pareça, por mais difícil de ser alcançado, jamais desista daquilo que você sonha, lute com unhas e dentes para conseguir realizá-los. Quando se quer algo de todo coração e se trabalha duro para isso, não há nada fora de alcance. Quem acredita sempre alcança!




Instagram da modelo: Link
Página no Facebook: Carolina Mazuco
Carolina Mazuco Fotografia: Link
Facebook: Link
Blog: Link

A Carol é uma amada, guerreira, realmente super esforçada, que teve que superar muitos momentos complicados, mas ela conseguiu. Atenciosa, muito brilhante e de uma simpatia marcante, é presença sempre em eventos legais. Talentosa e comunicativa, a bela traz sempre alegria e cativa todos.

Carol faz comunicação social, tem 35 anos e seu aniversário é dia 29 de novembro.

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Entrevista com a querida Isabel - Blog Simplesmente Berlim

 A Isabel é uma querida, sempre alegre, simpática, super atenciosa, dedicada e que vive hoje em Berlim. Ela conta que a primeira vez na cidade foi a trabalho, ficando aproximadamente 2 meses. Ela trabalha como guia turística e ama escrever sobre a cidade e mostrar tudo de bom que nela é possível fazer. Ela falou mais das suas preferências nessa bela cidade, sua vida e muito mais, numa conversa bem descontraída:

1 - Primeiro de tudo, me conta por que escolheu Berlim para morar. 

 Eu vim a primeira vez a Berlim a trabalho, fiquei por aqui cerca de 2 meses e depois retornei para o Brasil. Mas um rapaz (alemão) que trabalhava na mesma empresa foi pouco tempo depois enviado para o Brasil para trabalhar no mesmo projeto que eu. Daí começamos a namorar. Ele retornou para Berlim e ficamos em um relacionamento a distância, com ele indo me visitar e eu vindo visitá-lo algumas vezes. Daí, resolvemos que queríamos continuar juntos e vim para Berlim com a idéia inicial de ficar 1 ano e depois voltarmos para o Brasil. Mas o tempo foi passando e eu fui ficando. E cá estou eu, depois de 13 anos (rsrsrs)

 2- Como foi para ti chegar aí e ver que as lojas e supermercados fechavam as 18h durante a semana e no sábado às 13:00/14:00h ? 

Conta um pouco sobre isso. Um choque!!!! Eu morava em São Paulo antes de vir para cá, onde o comércio funciona praticamente 24 horas. Então não temos que nos preocupar muito se falta algo ou não, pois a qualquer momento podemos sair para comprar. E aqui não era assim, fui pega querendo ir comprar algo, mas já estava tudo fechado. Mas hoje já está bem melhor e a gente vai aprendendo como funciona e se adaptando aos hábitos locais. Aqui a cultura é outra, o foco não é tanto o comércio, o consumo. As pessoas valorizam mais a cultura. Ainda hoje, shopping centers são fechados aos domingos (só em determinados domingos, já pré-estabelecimentos pela administração governamental, que abrem)
 3 - Achei bem interessante a questão do brunch em Berlim. Comenta mais disso. 

 Ah isto é algo que acho muito legal! Aqui é muito comum este "café tardio" e são oferecidos pelos restaurantes nos finais de semana. É uma mistura de café da manhã com almoço, pois há coisas variadas no buffet e geralmente vamos mais tarde, lá pelas 10:00, 11:00, às vezes 13:00hs. O mais gostoso é a "falta de pressa" do dia-a-dia, o encontro com os amigos, o ficar jogando conversa fora. E de repente depois esticar com um passeio pela cidade, quem sabe ir a uma das diversas feiras de antiguidade ou se for verão para alguma das inúmeras atividades a céu aberto que acontecem pela cidade.

 4 - Berlim tem muitos eventos e feiras, como você citou no blog. Quer comentar um pouco das coisas preferidas para você? 

Pois é, como eu disse acima aqui valoriza-se bastante a cultura, então tem sempre algum evento na cidade: seja cultural, esportivo, tradicional, etc. No verão acontece muita coisa à céu aberto. E, independente de estação, tem as feiras de antiguidade nos finais de semana. Em termos de eventos, alguns que gosto bastante: a maratona de Berlim (apesar de não correr!!), que acontece no final de setembro, pois é uma atmosfera muito gostosa; o Festival of Lights em outubro que já fico na expectativa para ver como serão as iluminações; e minhas queridas feiras natalinas.

5 - Conta um pouco das coisas que você gosta de fazer em Berlim em cada estação do ano. 

 Primavera: visitar o Festival das Tulipas, a alameda das cerejeiras japonesas, andar pelas ruas e parques e ver tudo florido, a natureza "acordando" do longo inverno. Verão: Tomar uma cervejinha em um Biergarten (rsrs) Outono: Apreciar as cores do outono, as folhagens em tons amarelo e avermelhado. É algo que não temos no Brasil e mesmo depois te tanto tempo por aqui ainda me encanta. Inverno: Se estiver nevando (pois aqui não neva sempre, ou seja, todos os dias do inverno), estar do lado de fora e sentir os floquinhos caindo, andar em um parque e ouvir o barulhinho que faz ao andar na neve fresca. E se estiver muito frio, ficar em casa, no quentinho... de repente tomar um Glühwein (vinho quente).


6 - Teu blog realmente é muito completo, com muitas dicas e informações importantes da cidade. Como foi que decidiu começar ele?

  Eu já tive outros sites/blogs relacionados com outros temas. E conversando com parentes ou amigos sobre ter uma determinada atração aqui ou de ter feito isto ou aquilo às vezes me diziam para colocar isto em um blog, pois seriam dicas de quem mora aqui, o que nem sempre se encontra em qualquer guia de viagem. Então eu resolvi fazê-lo! E ao escrever eu procurei colocar as coisas que eu, quando viajo, busco na internet ou em um guia de viagens, o que eu sinto necessidade para visitar uma cidade.

7 - Em relação ao idioma alemão, como foi para ti aprender ?

 Difícil (kkk)!! Eu fui para a escola, fiz curso de alemão para aprender a ler, escrever e não somente falar. Mas se tem uma boa maneira para aprender é estando aqui, pois tudo a sua volta é alemão. Para mim é um aprendizado constante, continuo aprendendo.


 8 - Você é vaidosa com cosméticos e makes?  

Sabe que não muito. Eu basicamente utilizo hidrante no corpo que vario o tipo/marca dependendo da época aqui - no verão, algo mais leve e no inverno gosto das manteigas hidratantes da The Body Shop. No rosto uso mais produtos da La Roche Posay, pois tenho pele mais oleosa com tendência a espinha. E maquiagem no dia-a-dia é uma base, um lápis e batom. Só para sair que posso dar uma caprichada maior.

9 - O que você gosta de vestir? Conta detalhes sobre o teu estilo.

No dia-a-dia eu prezo mais pelo conforto. Mas gosto de um estilo feminino, vestidos, saias - o que estiver na moda, desde que caia bem em mim - não vou usar algo que esteja na moda, mas que acho que não caiu bem ou que combine comigo.

10 - Me conta mais do “LP12 – Mall of Berlim”. Você já foi nesse shopping muitas vezes?

 Sim, já estive diversas vezes lá. Na minha opinião o melhor shopping de Berlim, é grande, tem boa variedade de lojas.



11 - Em relação a tua alimentação, o que mais gosta? e sentiu muita diferença quando chegou aí?

  Ah, sem que eu me desse conta meu corpo sentiu bastante no começo. Cheguei aqui final de ano e toda a comilança das coisas típicas de natal me fez ganhar alguns quilinhos, que perdi depois. Eu gosto de ter uma alimentação variada. Aqui em casa faço comida brasileira (arroz, feijão, legumes, salada, uma carne), italiana, um pouco alemã, com um toque asiático, etc., enfim gosto de ir variando. Quando vamos comer fora gosto de ir em um italiano, no asiático (adoro tailandês, vietinames, japonês), de carnes, francês.

 12 - Como é teu dia a dia e trabalho?

 Eu trabalho como guia turística em Berlim. Eu acompanho brasileiros (e também portugueses) em sua passagem por Berlim, mostrando a cidade, contando sua história e falando da vida, da cultura da daqui. Então meus dias são super atarefados, pois passo o dia fora e à noite vem a parte "administrativa", ou seja, enviar propostas, responder aos emails, fazer a manutenção do blog, escrever novos artigos, responder aos comentários, etc.

13 - Você está ansiosa pelas famosas feiras de natal, que começam a semana que vem?

 Sem dúvidas! Faz parte da tradição ir nas feiras, tomar um vinho quente, passar frio (rsrs). E são fofas - aquelas barraquinhas de madeira iluminada, a decoração, a árvore de natal que geralmente são pinheiros mesmo. Enfim, gosto muito deste período natalino aqui, é bem pitoresco.

14- Como é a ceia de natal em Berlim?

 É bem mais simples que no Brasil e não tem um prato típico e tradicional único - há alguns diferentes, que irão variar de lugar para lugar, de família para família. Mas no dia 25 já tem algo mais tradicional! Aqui ao invés de peru, o tradicional é o ganso.

15 - Você já conhece bastante da Alemanha ?

 Sim, já estive em muitas regiões e cidades. Há lugares lindos, cidadezinhas que parecem saídas de conto de fadas.

16- Qual foi para ti algum dos momentos mais marcantes e diferentes que já passou em Berlim ?

 Adorei estar aqui na Copa do Mundo de 2006, pois a Alemanha sediou a copa. Foi uma atmosfera muito agradável na cidade.

 17- Deixa o recadinho que quiser.

Meu recadinho: Venham conhecer Berlim e a Alemanha. Berlim é uma cidade onde o passado é muito presente - é uma livro de história a céu aberto. E ao mesmo tempo é uma cidade moderna, jovial, multicultural, tolerante. Berlim tem muitas facetas.

Pagina no Facebook: Simplesmente Berlim 
Blog: Simplesmente Berlim